1
Tema: A influência do salário na escolha da profissão. Corrijam e me deem dicas, por favor. *-*

aberto 2 Respostas 150 Visualizações Redação
Uma importante etapa na vida dos jovens e adultos é o processo de escolha da profissão a seguir. São muitas as influências na hora de tal decisão, como a preferência da família, o mercado de trabalho, uma paixão de infância, e, principalmente, a remuneração, que está levantando questionamentos sobre o que se deve levar mais em conta.
É fato que as pessoas cada vez mais optam por uma carreira, isto é, além do salário, a pessoa trabalha pela ascensão e por um reconhecimento. Isso junto com a crescente procura por um estilo de vida melhor, mais confortável e seguro, faz com que determinadas áreas, como a de exatas, se sobreponha entre outras. Elas garantem uma maior estabilidade do profissional, apresentam bons salários, e, ainda, podem garantir destaque para os trabalhadores, ganhando certo “status” na sociedade, o que é bastante almejado no sistema capitalista.
No entanto, ao se fazer esse tipo de escolha, alguns deixam de lado suas vocações, tornando-se profissionais monótonos, infelizes. É indispensável que o indivíduo preocupe-se também com as habilidades em determinada área e fazer uma espécie de equilíbrio entre as partes. Por exemplo, um jovem tem vontade de lecionar história, mas tem medo de não ganhar o salário dos sonhos nas escolas públicas, então ele pode fazer o curso e depois um mestrado para ter mais renome, e trabalhar em uma instituição que lhe garanta uma melhor remuneração.
Enfim, não se tem uma fórmula do que é melhor para cada um, essas questões de escolha de ofício variam de indivíduo para indivíduo. O mais importante, é pesquisar bastante sobre os trabalhos desejados, se informar sobre o que é necessário para realizá-los, como está o mercado para estes, dialogar com especialistas, com os pais, amigos, e, assim, buscar um consenso entre tudo, pois todas as partes devem ser consideradas.

Entre ou cadastre-se para responder esta pergunta.

2 Respostas

1
Sua redação está bem elaborada, Mas vamos lá :
Faltou uma virgula depois do "É fato que "
Você citou no caso de EXATAS se sobrepor entre as outras,mas,  Medicina é o curso mais concorrido e é biológica, e direito que é humanas, então não cite só exatas por causa das engenharias .Seria interessante você citar exemplos " Engenharia, medicina e direto, que são os 3 cursos mais concorridos atualmente. Você pode colocar também, que a influencia da escolha da profissão por causa do salario , pode levar a um deficit de emprego futuro, pois terá muito concorrência , enquanto outros cursos estará em falta de profissionais , e com isto pode causar um "desequilíbrio" no mercado de trabalho.
respondida 3 Out, 2015 por grazielaps (50 pontos)
1Comentários
comentou 3 Out, 2015 por beatriz azevedo (277 pontos)
Adorei a dica do déficit de emprego. Muito obrigado, vou tentar melhorar. :)
0
Olha eu gostei da sua redação, te daria 890 pontos.
Eu não sei se é porque professores fica falando mal do gerúndio e tudo, que eu tento o máximo não os colocar, mas sei que as vezes é inevitável, eu vi um gerúndio aí, tudo bem, mas olha quando for fazer redação aconselho a substituir e se não tiver jeito use somente uma vez. Você abordou que as exatas são as mais concorridas, mas esqueceu que tem uma humana biológica que deixa qualquer exata lá trás: medicina, que aliais é cobiçada por receber bem. Mas adorei seu texto...



Fique com Deus e reserve um tempo a ele,converse.bjsss
respondida 12 Out, 2015 por Pati Queen (196 pontos)
2Comentários
comentou 12 Out, 2015 por beatriz azevedo (277 pontos)
Eu tinha colocado exatas na minha redação por que na proposta eles citaram que a área de exatas é a que estava mais em evidência, aí esqueci das outras como medicina, mas depois eu fiz de novo a redação e acrescentei. Obrigado por avaliar. :)
comentou 12 Out, 2015 por Pati Queen (196 pontos)
de nada, ´´tamu junto´´ rs :)
...