0
Tudo bem? Poderiam corrigir a minha redação com as normas do Enem preciso muito, por favor!

aberto 1 Respostas 112 Visualizações Enem
Tema: A cultura do estupro: A vítima é culpada?                                       

                                   
                                 Ainda não sabemos lidar com o estupro

   Dados demonstram que há cada 11 minutos uma mulher é estuprada no Brasil.
  Infelizmente as mulheres lidam com isso, devido os estereótipos que a sociedade impõe a mulher e sendo assim é comum ouvirmos que a mulher que tem respeito não usa roupa curta, não enche a cara, mulher diz não quando quer dizer sim, entre outras frases machistas.
   Com isso a mulher acaba sendo padronizada e qualquer saída da linha acaba sendo usada como de justificativa por terem sido estupradas, enquanto vigorar a cultura do estupro.
  Até 2001 a lei que deveria combater o estupro permitia que o agressor fosse preso ou se casasse com a vítima, uma ideia errônea de que isso amenizaria a situação, quando na verdade a mulher passaria a ser abusada rotineiramente.
  De lá para cá as leis mudaram, mas ao que parece a consciência das pessoas não. Atos de estupros são divulgados pela internet de forma escancarada e são regados de piadas, como prova de que foi mais um entre tantos outros estupros que vão sair impunes.
  É difícil combater essa situação, a cultura do estupro é provinda de pensamentos abusivos e com justificativas absurdas e mesmo assim é visível como está sendo encarado de forma normal por muitos.
    Formas de evitar e combater o estupro: quebrar esses paradigmas machistas através dos diálogos em que qualquer lugar, denunciar vídeos ou qualquer coisa que faça apologia ao abuso a mulher. E há também de mudar as atitudes da sociedade e das autoridades que devem acolher as vítimas e se preparem para lidarem com a situação da melhor forma, sem culparem as vítimas por terem sido violentadas.

Entre ou cadastre-se para responder esta pergunta.

1 Resposta

0
O estupro está cada vez mas aumentando  com crianças, adolescentes, jovens e adultos muito deles ficam com medo de denúncia por causa de ameaças que recebem contra os seu familiares, na maioria dos casos que acontece é dentro da própria família, não é só no Brasil mais em toda parte do mundo. Mesmo assim, uma mulher se conduzindo com muito respeito esta sofrendo abuso, então o que devemos fazer para com que isso acabe definitivamente.
 Porém, hoje em dia algumas mulheres contribuem, com estilos de roupa e formas de se conduzirem perante á sociedade, pois, sendo assim, leva ao homem cometer tal crime. Antes as moças sabiam se valorizar e se respeitar quando umas delas perdia o seu valor os pais á abominavam por que não queriam ter uma filha adultera, era raro você ouvir que uma pessoa sofreu abuso sexual naquela época mas o ser humano mudou de lá para cá.
As mulheres estrupadas tendem de ter depressão, acaba adquirindo á ADIS, se isolam de tudo e de todos, ficam com medo de conversar com qualquer pessoa, muitas delas deixam de ir trabalhar ou sair na rua, se mudam para com que começar uma vida melhor tentar esquecer o acontecimento algumas comete até o suicídio achando com que isso possa tirar o sofrimento, mais é difícil recomeçar e enfrentar o mundo novamente.
O governo deveria fazer uma organização para combater o estupro contra a mulher não é só  dar uma puniçãozinha pro criminoso, mas elaborar ongs e projetos para com que ajudar portanto  também contribuir que sua vida melhore por todas aquelas que foram violentadas aí as moças poderiam erguer sua cabeça voltar á confiar nela mesma e acreditar que ela consegue reiniciar. Não ter vergonha de dizer o que aconteceu mas mostrando que foi capaz de vencer.
respondida 2 Jun, 2016 por Andreza (24 pontos)
...